Central vai para terceira temporada consecutiva com a equipe de sua terra natal

A bauruense Mayhara continua no Sesi Vôlei Bauru. A central renovou o contrato e vai defender as cores da equipe de sua terra natal pela terceira temporada consecutiva.

A temporada 2020-2021 foi atípica na carreira de Mayhara, pois sofreu grave lesão de ligamento no joelho esquerdo e foi operada, com o processo de recuperação estendendo-se por vários meses e obrigando-a a ficar de fora do Campeonato Paulista e da Superliga.

Agora já recuperada e pronta para retornar normalmente às quadras, Mayhara celebra a renovação do vínculo com o Sesi Vôlei Bauru. “Estou muito feliz com a renovação e em poder continuar na equipe, principalmente pelo fato da temporada passada ter acabado de uma forma inesperada e tão repentina para mim. Estou ansiosa e com as melhores expectativas e energias possíveis para começarmos os treinos”, ressalta a central.

Mayhara Francini da Silva tem 1,85 m, 32 anos começou a dar os primeiros passos no vôlei durante as aulas de Educação Física ainda no ensino fundamental em Bauru. “A aula que eu mais gostava era voleibol e minha família sempre me incentivou a fazer esportes pela minha altura, pois sempre fui alta. Então, meus pais me levaram pra fazer escolinha de vôlei e depois passei em um teste na Associação Luso Brasileira de Bauru, onde fiquei um tempo jogando os campeonatos pela categoria de base”, recorda a atleta.

Mayhara defendeu a Luso até os 17 anos, quando deixou Bauru rumo a São José dos Campos para atuar em um clube da cidade. “Joguei em um clube de São José dos Campos por dois anos no juvenil e adulto. Depois fui participar da minha primeira Superliga, em Belo Horizonte, pelo Mackenzie”, detalha a central.

A partir daí sua carreira deslanchou e a atleta teve passagens por clubes de destaque do cenário nacional do voleibol, como o Finasa/Osasco – Rio do Sul/Unimed, Praia Clube, Rexona/Ades, Rexona/Sesc e Sesc RJ, sua última equipe antes de transferir-se para o Sesi Vôlei Bauru.

Por clubes foi tricampeã carioca, bicampeã da Copa Brasil, tricampeã da Supercopa, bicampeã sul-americana de clubes, vice-campeã mundial de clubes e tricampeã da Superliga. Também já atuou pelas seleções brasileiras universitária e adulta.

Compartilhar: